Viagra, as alternativas seguras.

Publicado por gilsonlira em

O Viagra criou a segunda revolução sexual!

Fez a boa reputação de muitos homens e ajudou a salvar relacionamentos.

Você pode ser um “Homem de Estilo”, mas como provocou o mineirim “oh cumpadi, de que adianta ter dinhero, muié bunita e não ter o bixo de pé?”

Há um tempo atrás, os homens mais velhos consumiam Catuaba com marapuama, porque a mulher andava reclamando do desempenho fraco dele na cama.

E o comentário foi  bem no meio de numa roda de churrasco entre amigos…

Constrangimento, vergonha, a hombridade posta em dúvida e o sentimento de estar no inferno astral constantemente.

Consumir um “viagra natural”, sem saber os detalhes importantes de uso, levava o tratamento ao insucesso.

 

Viagra

Surge um poderoso ramo da industria farmacêutica

Na época os tratamentos médicos eram invasivos e complicados.

Porém, uma luz brilhou no fim do túnel em 1998 com a aprovação do Viagra (citrato de sildenafila).

Os laboratórios espalharam a notícia pelo mundo e se tornou um negócio de 7 bilhões de dólares ao ano.

Veja um exemplo de recomendação médica:

 

A curiosa história do Viagra

O laboratório americano Pfizer fez uma pesquisa para a introdução de um medicamento para o controle da hipertensão e o tratamento da angina (uma forma de doença cardiovascular isquêmica), que causa fortes dores no tórax.

Em 1992, encerrou a fase de pesquisas de campo e quis retirar a medicação de testes dos pacientes.

As esposas não deixaram…

Relataram que após a medicação, os maridos compareceram o suficiente para tirar o atraso de anos!

O casal precisava de mais remédios como aquele.

 

O Citrato de sildenafila foi um fracasso como remédio para cardíacos, mas um sucesso no tratamento da disfunção erétil.

Segundo a história oficial, o Viagra foi uma descoberta acidental, tratada inicialmente como efeito colateral da medicação.

Em 1996, o FDA, órgão do Governo Americano que trata das liberações de medicamentos para a venda aprovou e em 1998 começou a venda.

Se tornou um negócio girando mais de 1,5 bilhões de dólares.

Tornou-se um sucesso tão grande que a marca comercial Viagra virou sinônimo de remédio contra a disfunção erétil, seja ele qual for!

Não é incomum nas feiras livres do interior alguém oferecendo uma “garrafada” de “viagra” natural baseada em catuaba, marapuama e algum líquido comestível.

O Viagra é rápido, age em menos de 30 minutos e dura em média 8 horas, com uma meia vida de 4,5 horas.

Age rápido e vai embora rápido também. Para uma saída de meio de semana com a esposa, namorada ou uma conquista padrão, funciona bem.

cialis 5 mg

Cialis

Uma empresa chamada ICOS, hoje parte do grande laboratório Elly Lilly, estava pesquisando um inibidor de PDE5, a substância que derruba a ereção.

Com o sucesso do Viagra, encontrou um mercado ávido por novidades e consolidou sua pesquisa em 2003, lançando a Tadalafila com o nome comercial de Cialis.

O mesmo principio de funcionamento do Viagra, um inibidor de PDE5.

Sem o vilão da ereção, festa na região!

A Tadalafida demonstrou ser um remédio bem mais completo pois seus benefícios se estendem a:

  • a perda de gordura abdominal.
  • ação vasodilatadora que facilita o transporte de nutrientes e oxigênio às células, promovendo mais energia e disposição física e concentração.
  • ganho de massa muscular magra.
  • é hoje um fenômeno de vendas para frequentadores de academias.

A Tadalafila tem um início de ação bem mais demorado, pode começar a agir em uma hora ou levar até horas para o efeito ser sentido, mas dura até 36 horas.

É conhecida como a “pílula do fim de semana”.

Seus efeitos colaterais, são mais brandos em relação ao Viagra.

 

Levitra

Levitra

O laboratório alemão Bayer, divide com o laboratório GSK a conquista da Vardenafila, um remédio anti PDE-5 com um efeito de tempo um pouco superior ao Viagra.

A Bayer vende o Vardenafila com o nome de Levitra e a GSK com o nome de Vivanza.

Ambos com início da comercialização em 2003.

Para quem deseja um efeito de até 16 horas, o Levitra é indicado.

O baratinho:

O Helleva é o carbonato de lodelafila.

Patenteado pelo laboratório brasileiro Cristália.

A vantagem comercial do Helleva é o preço bem mais em conta.

 

qual eu tomo?

Qual eu tomo?

Viagra: para uma atividade sexual bem definida, por exemplo, em casa, onde os horários são conhecidos. Efeito rápido e durabilidade de até 8 horas.

Levitra: Mesmo perfil de uso, com uma durabilidade de até 16 horas.

BANNER PEQUENO POTENCIA VI

Cialis: Durabilidade de até 36 horas, o que alcança um fim de semana ou feriadão.

Tenha cuidado com relação ao prazo de início do efeito, tomar bem antes do provável encontro.

Alguns usuários que tem uma atividade física constante, tomam o Cialis diariamente, mediante a prescrição médica.

 

mal estar do homem

É seguro tomar Viagra?

Os efeitos colaterais admitidos, variam de pessoa para pessoa, conforme a tolerância física de cada um e estado de saúde a hora que tomam o medicamento.

É admitido:

  • Dores lombares
  • Pertubações visuais
  • Tontura
  • Dispepsias
  • Rubor
  • Dor de cabeça
  • Enjoo

Convenhamos que estes sintomas, juntos ou isolados não são nada românticos.

Já pensou se você começa a ir aos seus encontros amorosos com a cara vermelha, dor de cabeça, a vista turva e enjoado?

São alterações do funcionamento normal do organismo e certamente a longo prazo trás sequelas graves e permanentes.

 

Há a necessidade de um aumento progressivo na dose do remédio. Nada bom!

 

O perigo é real e imediato.

Eu conheço diversas pessoas que desenvolveram cardiopatias graves após uso continuo de Viagra.

Você tem certeza que aguenta o tranco?

Uma industria bilionária certamente saberá cuidar de seu mercado.

 

Na impossibilidade de cuidar do paciente, cuidará para que a publicidade negativa não atrapalhe os seus negócios.

Na dúvida, um viagra natural é seguro, eficaz e sem efeitos colaterais.

Basta você saber as técnicas de como utilizá-lo corretamente.

 

medicina natural trata a disfunção

Um viagra natural

Por que os médicos pouco prescrevem remédios naturais?

Por que as pesquisas com fitoterápicos se arrastam?

A única resposta é dinheiro! A exploração comercial de fitoterápicos são inviáveis aos lucros absurdos da indústria farmacêutica.

Como cobrar um preço caro por um composto encontrado pronto na natureza?

A experimentação pessoal pode levar ao sucesso no tratamento, desde que os componentes, individualmente, sejam seguros e sem contraindicações.

A internet popularizou fitoterápicos de culturas ancestrais da ásia, de povos pre-colombianos e da áfrica.

Verdadeiro viagra natural, sem contraindicações ou efeitos colaterais.

Veja neste post sobre remédios naturais, uma ideia definitiva => Clique aqui

A vitalidade de pessoas em tribos antigas é impressionante e eles podem nos ensinar coisas úteis ao nosso caminho para a qualidade de vida ideal.

Compartilhamos esse conhecimento através do e-book Potência do Homem, onde muitos homens conseguiram mais sucesso no tratamento, sem efeitos colaterais.

Experimente.

banner potência do homem